Sempre que a vida me quiser
Quinta, 08 de Agosto de 2019

Sim. Podia ser mais um título ligado à nossa van: Vantrip. Vanlife. Vanfamily. Mas na verdade foi muito mais do que isso. Foi muito mais do que uma simples viagem de autocaravana. Foi uma viagem de auto-conhecimento. Foi uma experiência de outra galáxia. Foi uma vida dentro da nossa vida.

A sensação de liberdade que sentimos quando entramos numa autocaravana é absolutamente indiscritível. E a segunda parte da nossa viagem foi ainda melhor do que a primeira. Mais agreste. Mais aventureira. Depois das aldeias, vilas e lagos de perder de vista, entrámos nos picos dos montes e montanhas, em estilo malabarista. De 37 graus com um sol abrasador, baixámos para 6.º graus de um frio aterrador. Mas bonito. Porque a paisagem de montanha foi desenhada por um artesão bendito. Como se fosse tudo esculpido à mão. De encher a alma de gratidão. E de trekkings no meio de terra, da neve, da areia e rodeados de uma paisagem árida e imaculada, passámos para passeios a pé no meio do verde, da água, de cenários pintados de azul céu e de uma cor abençoada.

Tínhamos chegado aos Dolomites, em Itália. Num sudtirol de cortar a respiração e de alimentar o nosso destemido coração. Nada, nem ninguém nos tinha preparado para isto. Para esta natureza em estado puro. Intocada. Bruta. Imaculada. Não são destinos que saem nas revistas da moda, nem que são fotografados por blogger sim, blogger não. São cenários dignos de verdadeiros amantes da natureza. Que vivem rodeados de adrenalina e de uma certeza: fazer das suas férias a verdadeira experiência de uma vida. Sem medo do desconhecido, da adrenalina, e do não saber onde vamos acordar amanhã. Para nós, mais do que uma viagem, é como vos digo, são dias que nos mantêm o corpo quente e a cabeça sã.

Só quem vive toda esta imensidão de ar límpido e de paisagens intermináveis, é que compreende o verdadeiro sentido de fazer férias fora da caixa. Foi a viagem das viagens.

O roteiro completo? Façam já a vossa pré-inscrição para setembro - sem compromisso, apenas para garantir a vaga!

Até lá, inspirem-se e respirem esta natureza:

Partilhado por Francisca Ortigão Guimarães